terça-feira, 5 de julho de 2011

(4°) Vídeo-aula 5 - Protagonismo juvenil e participação escolar






4°Módulo – Vídeo-aula 5: Protagonismo juvenil e participação escolar


“A educação deve promover o acesso aos bens culturais exigidos pela sociedade contemporânea e garantir uma formação política que permita aos jovens participar da vida social de forma mais crítica, dinâmica e autônoma.”

O Prof°Ulisses Araújo iniciou apresentando essa definição  que serve como referência para a discussão do tema.
O objetivo é a formação do jovem cidadão, da jovem cidadã e para isso eles precisam participar de um forma ativa dessa escola.
Para tanto é necessário que se utilize metodologias ativas de aprendizagem que tem fundamentos no autor americano John Dewey, relação com o construtivismo e com autores como Piaget, Paulo Freire e outros, conferindo ao aluno um papel ativo, ação do sujeito no processo educativo.
E uma das formas mais conhecidas é a aprendizagem baseada em problemas que é uma metodologia ativa de aprendizagem. “É uma estratégia pedagógica que apresenta aos estudantes situações significativas e contextualizadas no mudo real.” (Mayo, Donnelly, Nash & Schwartz,1993).
E o Prof°Ulisses apresentou exemplosde projetosque seguem essa metodologia: Alunos da USP; Escolas públicas; Universidade de Stanford; onde se identificam problemas na comunidade e trabalham em busca de soluções.
Os alunos protagonistas são alunos que vão contribuir para a construção de uma sociedade justa, solidária e feliz.
E para isso é necessário promover a participação através de:
-Assembléias Escolares: decidindo, por exemplo, as regras da sala de aula.
-Grêmios estudantis
-Estratégias de resolução e de mediação de conflitos: por exemplo, com o professor mediador ou o aluno mediador.
-Estratégias de aproximação entre escola, família e comunidade: por exemplo, na organização do fórum escolar de ética e cidadania ou educação comunitária.

Aumentando assim a probabilidade de que esses alunos construam valores morais, valores que estejam mais de acordo com os interesses da sociedade.

                                Márcia Maria dos Santos Solha
                                            Julho/2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário